Páginas do Blog

sábado, 26 de março de 2011

A saga do iPhone


Já havia um tempo que eu estava querendo um celular diferente, já que celular geralmente não dura mais que um ano na minha presença. E já havia um tempo eu andava flertando com o iPhone, mais pelo design mesmo, porque sou desinteressada dessas tecnologias.

Eu me segurava para não passar de flertes, mas a carne foi fraca, a tentação foi

grande e de repente me levantei e pensei: é hoje!

Primeiro, olhei minha poupança da gravidez (não estou grávida, apenas sou mulher de guardar dinheiro e já guardo para poder engravidar daqui uns 5 anos com mais tranqüilidade, nem que seja de proveta, caso eu fique sem homem).

Segundo, fiz uns cálculos, sem ter idéia do preço de um iPhone, e desisti de comprar parcelado. Só à vista.

Então, fui à loja:

- Oi, eu quero ver um smartphone. – Não poderia falar direto um iPhone, sabe. Evitar gastos.

Vendedora de celular sem saber o que é smartphone:

- É, smartifone? Smartifone...

- É, celular pra eu usar internet.

- Pra entrar no Orkut?

- Não, no Twitter.

- Sartifone... Tuiti... sabe, o Cláudio vai chegar, ele entende tudo de smartifone. Aguarda ele uns minutim, tá?

20 minutos depois:

- Cláudio, ela quer ver um smartifone.

- Como?

- Ela quer celular pra usar Orkut.

Cláudio me olhou nos olhos, eu olhei nos olhos de Cláudio. Cláu

dio viu minha alma, meus anseios, minhas vontades, meus desejos e sem dó disse:

- Cristelly, pega lá o Aifonê.

Pulsei de desejo quando vi aquele aparelho maior do que o que eu tinha, mais bonito do que o que eu tinha, mais liberal do que o que eu tinha.

- Você vai adorar esse Aifonê. Eu tenho um, só que não tá aqui comigo. Mas é que eu morei na Europa e lá tem uma rádio muito boa que dá pra eu colocar aqui pra você, porque essas rádios do Brasil não prestam.

Eu nem ouvia o que Cláudio falava, eu só queria aquele celular, ops, iPhone.

- Esse aqui e o último que chegou, tem 32 giga, o outro era de 8.

Nossa, quero pegar nesse negócio, ops, iPhone.

- Posso dividir para você em 6 vezes. Aí você já faz o plano da internet.

Quanto eu tenho na poupança da gravidez mesmo? Ah, daqui 5 anos dá pra juntar tanto dinheiro... Qualquer coisa, lá pelos 35 arrumo filho, não precisa ser nos 30.

- Já coloco uns aplicativos muito bom.

- Onde que eu pago?

- Como? Ah, lá no caixa, mas já quer pagar?

- Sim, me dá desconto à vista.

- Posso te dar 50 reais de desconto.

- Ótimo desconto. – Bosta, só 50 reais de desconto num iPhone??

Paguei.

- Carol, coloquei pra você uns aplicativos muito legais. Tem o quatrocharédi – que isso, my God? – e você vai adorar baixar coisas por ele.

Ok, obrigada. Fui correndo pra casa dar uns amassos, ops, conhecer meu iPhone e apresentar o novo membro da família para meus pais, minhas cadelas, meu quarto, minha cama, meu notebook e minhas tomadas. Claro que felicidade de classe média dura pouco e depois de descobrir que quatrocharédi é o 4Shared, minha mãe disse que “esse celular novo deve ter custado uns 500 reais”, meu pai disse que o dele também tem internet e meu noivo fez um blog só pra falar mal dele. Ah, e claro, eu digito tudo errado naquela bosta de teclado!

P.S.: Procuro professor de truques, dicas e demais utilidades o iPhone.

P.S.2: Não é o iPhone4. Esse, por enquanto, nem flertamos ainda.


3 comentários:

  1. Ele está aqui do meu lado nesse exato momento dando bobeira... Acho que ele ... ops... caiu!

    ResponderExcluir
  2. Eu também quero um iPhone!

    ResponderExcluir
  3. Oi jóia seu mais novo seguidor conhece um tanto quanto bastante sobre iPhone. Técnico em telefonia celular porém hj trabalhando no grupo Decio em outro seguimento, mas jamais abandonando a profissão. Atualização, desbloqueio, Jailbreak, instalação de apps, personalização do seu iPhone entre outras coisas mais. Caso realmente precise de dicas ou truques para iPhone será fácil chegar ate a mim. Só q agora fui transferido p Decio Uberlândia mas ta bom. Nome: william, idade: 25,email: william_oliveira1987@live.com , ok bjos

    ResponderExcluir